Talvez você seja o meu membro fantasma

membro fantasma

Talvez você seja o meu membro fantasma. Sabe, quando uma pessoa precisa amputar alguma parte do corpo, a dor do membro que não mais existe, é sentida por anos. Ando sentindo a sua falta como um membro fantasma – é assim que é conhecida essa sensação, de ter algo que não é mais seu.

Esse negócio de sentir muito me transforma em um caos emocional. Pode parecer contraditório, mas cheguei à conclusão que esse negócio de amor não é para mim. Não estou dizendo que não acredito no amor em si, porém, ele não está perdido por aí à minha espera. Mas existem pessoas que nascem para viver um grande amor e depois dele, não encontram nenhum outro.

Cansada de tanta solidão, o melhor a fazer é sempre seguir em frente. A recuperação depois que alguém que se ama vai embora, é algo quase irreparável. Ficam umas marcas. Também resta um gosto de azedo que açúcar nenhum consegue disfarçar.

Hoje restou essa sua ausência, que causa um desconforto a cada virada do ponteiro do relógio. Olha que eu já experimentei outros amores, mas nenhum foi como você. Sei que cada um que passa na nossa vida, deixa uma marca diferente da anterior. Mas a sua marca parece ter sido feito a brasa.

Eu bem sei que o tempo ajuda (e muito), mas eu não quero que o tempo passe. Se ele fizer isso, pode apagar as memórias que eu guardo de você. E se tem uma coisa que eu não quero, é te esquecer.

Mesmo sabendo que eu devo, não posso imaginar a ideia de que durante uma boa parte do que vivi até aqui, não tinha você presente. Ah, amor, eu continuo te amando, mas talvez você seja o meu membro fantasma, e eu ainda vou te sentir por muito tempo, mesmo depois da sua partida.


“Please don’t scar this young heart
Just take my hand
I was made for loving you”
Facebook Comments